Felicidade, vem junto!

Parece que a endorfina resolveu se entender com a anestesia ou, talvez, seja um runner's high interminável. É exatamente essa sensação de poder voltar a correr. Arrisco dizer que o recomeço tem sido tão inesquecível quanto as primeiras passadas, mas, talvez, ainda mais especial.

Uma lesão me deixou sem correr por quatro meses. Ao longo desses quatro meses, pouco escrevi sobre a fascite plantar, afinal, lesão assusta e chega a me arrepiar, apesar de acreditar que tenho muito o que escrever sobre isso, eu sei que o melhor momento não seria durante a lesão. Decidi não me intitular como lesionada e, acima de tudo, manter o sorriso estampado no rosto custe o que custar, então, percebi que a cada dia e a cada braçada – foi pra dentro d'àgua que a lesão me levou! – me tornava mais forte. No mesmo dia em que recebi a alforria do meu ortopedista, recebi um e-mail com um convite irrecusável: ir junto ladeira acima com o Seu Jorge. 

Eu sabia que seria difícil, sabia que faltaria fôlego, mas tinha certeza de que valeria a pena, afinal, é sempre assim quando participo do melhor clube de corrida do Brasil. Foi ao lado do Seu Jorge, quem escolheu largar o tabagismo e buscar uma vida mais saudável, e de mais outras tantas pessoas que assim como eu dão muito valor a corrida, que eu pude ir junto, então, as ladeiras e escadarias de Santa Teresa nunca mais serão as mesmas. Com incentivo da saltadora Fabiana Murer, o cantor puxou a fila para uma corrida de 4,2km. Seu Jorge se diz muito mais feliz com a corrida e o clima da Seu Jorge Ladeira Acima não poderia ter sido outra senão felicidade sem fim.  

Parece que a Nike descobriu meu manual de instruções e me mostrou com ainda mais intensidade o quanto a corrida é fundamental. É um esporte que te leva a lugares incríveis. Sem dúvidas, acredito que a plataforma Vem Junto, através da qual todos podem inscrever as suas próprias ideias de corrida e convidar sua galera para correr junto, transformando suas causas em realidade, proporciona experiências ainda não vividas por meio da corrida e, como se ainda não bastasse, as torna inesquecíveis! De tudo, ainda fica a certeza de que os treinos de subida, vão me ajudar a ganhar fôlego para as provas longas em percurso plano e também na busca pelo melhor tempo possível.

MUITO OBRIGADA, NIKE E SEU JORGE! PARA CIMA E AVANTE. SEMPRE!